O Nó Górdio

O Nó Górdio - Leal,Carlos Eduardo | Nisrs.org Temos o prazer de apresentar o livro . em PDF, TXT, FB2 ou qualquer outro formato possível em nisrs.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Leal,Carlos Eduardo
DIMENSÃO
7,26 MB
NOME DO ARQUIVO
O Nó Górdio.pdf
ISBN
4548894951472

DESCRIÇÃO

“— Tentei não pensar em você, sussurrou Karl. Mas sempre quando eu pensava em você, pensava em nós dois. Servindo o vinho, olhou fixamente para os olhos derretidos de Alice e, talvez querendo, como se fosse possível encontrar uma resposta, começou a perguntar:Quem é esta mulher que me arrebata para além do meu corpo tocando até o mais desconhecido de mim mesmo? Quem é esta mulher que de homem me faz menino a procurar travessuras? Quem é esta mulher que me retira das minhas certezas atávicas e que me transforma num mar incandescente de ondas de prazer? Quem é esta mulher que me enfeitiça e me leva deliciosamente a experimentar o mais além da dor e do prazer? Quem é esta mulher que entrou na minha vida cinzenta colorindo-a por dentro e por fora? — Vou te colorir, respondeu Alice suavemente, mas com muita firmeza. E continuou como que dando seqüência às perguntas de seu amante: Quem é este homem que me leva a passear para além dos arredores de mim mesma, que me desvirgina a alma e os sentidos? Quem é este homem que me faz tremer como se estivesse dando luz a milhões de estrelas? Quem é este homem que troveja meu céu em noite de lua cheia e me despe como um anjo e me possui como uma prostituta? Quem é este homem meio deus meio demônio que me enfeitiça só com o sorriso que escorre do canto dos seus olhos? Quem é este homem que me deixa nua de mim mesma mas ao mesmo tempo protegida, louca e atriz para seus caprichos mais sadicamente deliciosos? Quem é este homem que me faz ficar escondida de mim mesma só para ser surpreendida em meu despertar? Quem é este homem que não cessa de me fazer ter esperanças no amor, ele, que quando está perto tenho vontade de devorá-lo, mas que quando está longe é só esperança e saudade?”

A profecia foi cumprida por um camponês, de nome Górdio, que foi coroado. designativo de um nó muito difícil de desfazer, que ligava o jugo ao timão do carro do rei Górdio; gordiano. figurado cortar o nó górdio.

Conta-se que o rei da Frígia (Ásia Menor) morreu sem deixar herdeiro e que, ao ser consultado, o Oráculo anunciou que o sucessor chegaria ... O nó górdio foi um nó cuja história remonta ao século VIII A.C. Diz a lenda que o rei da Frígia morreu sem deixar herdeiros.

LIVROS RELACIONADOS