Feito Eu

Feito Eu - Nazarian,Elisa | Nisrs.org Leia o livro diretamente no seu navegador. Baixe o livro em formato PDF, TXT, FB2 em seu smartphone. E muito mais em nisrs.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Nazarian,Elisa
DIMENSÃO
6,25 MB
NOME DO ARQUIVO
Feito Eu.pdf
ISBN
9487801453142

DESCRIÇÃO

?Herdando uma Biblioteca é uma celebração do mundo dos livros. Uma celebração bastante pessoal, mas que não deixa de ter sentido universal, de valer para tantos outros leitores. O livro reúne crônicas que falam de leituras, das bibliotecas que herdamos e que deixamos de herança, daquelas que existem na realidade e das outras, às vezes melhores, que só persistem em nossa imaginação. Num certo sentido, Herdando uma Biblioteca é uma continuação ? ou desdobramento ? do romance autobiográfico de Miguel Sanches Neto, Chove Sobre Minha Infância. Os temas que lá estão reaparecem aqui e o diálogo entre as duas obras é notável a cada passagem. Miguel lembra de saída que, órfão precoce de pai analfabeto, não poderia ter herdado livros. Restava então desvelá-los no quotidiano precário da Peabiru da infância, da banca de jornais que vendia alguns poucos volumes, na descoberta espantosa de livrarias e sebos em outras cidades.Para além das revelações pessoais ? que nunca perdem seu teor ficcional ?, os livros e as leituras são captados por uma lente singular: a que sabe de sua consistência pluriforme: são objetos sagrados e profanos, são cultuados, mas também apropriados pelos leitores, que os rabiscam com o lápis que está à mão, que os garimpam pelas prateleiras dos sebos. E esse conhecimento dos livros só o tem quem convive com eles numa intensidade quase obcecada, quem teme sobretudo a ausência deles ? que traz a ?pobreza de palavras? e a solidão. Borges uma vez falou, lembrando sua infância, que nunca se perdera fora da biblioteca de seu pai. Miguel Sanches Neto, você, leitor, eu e tantos outros, talvez possamos endossar a afirmação, ampliando-a. Em nosso mundo, não é possível se perder fora de bibliotecas. Mas é impossível não nos perdermos dentro delas. [Julio Pimentel Pinto] Foreword by Pinto, Julio Pimentel

Vocês, que é quem de facto interessa, receberam bem a ideia de ver os dois. Os dois diferentes, como eu sempre disse mas os ... Só que aí eu reencontrei um grande amigo e comecei a ouvir as palavras dele diariamente.

Conjugação de fazer em todos os tempos verbais; presente, passado e futuro. Indicativo: faço, fazes, faz, fazemos, fazeis, fazem Seja Foda faz com que possamos perceber quanto potencial temos a ser desenvolvido, como fazemos para sair da zona de conforto e meter a mão na massa.

LIVROS RELACIONADOS