Poemas de Circunstância

Poemas de Circunstância - Costa ,Eduardo Alves Da | Nisrs.org Leia o livro diretamente no seu navegador. Baixe o livro em formato PDF, TXT, FB2 em seu smartphone. E muito mais em nisrs.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Costa ,Eduardo Alves Da
DIMENSÃO
9,58 MB
NOME DO ARQUIVO
Poemas de Circunstância.pdf
ISBN
6247200793297

DESCRIÇÃO

Bambus cantam ao vento. Um peteleco e a formiga voa como um astronauta. A taturana que adora maracujá. Paixões adolescentes. Comadres maledicentes. Beligerância, estupidez humana. Destruição. Se para Goethe a realidade é uma fonte de inspiração para o fazer poético, Eduardo Alves da Costa o comprova em Poemas de Circunstância, novo livro do autor, que retrata a singeleza de detalhes, de fragmentos de vida, e a brutalidade dos dias atuais, marcados pela desconexão entre homem e natureza. Os versos de Abelha, “Uma abelha voa e não me vê; eu aqui e ela na tevê”, sintetizam a desavença. Humanos, à mercê da sobrevivência, transfiguram-se em “alienígenas” a concretar a terra. Caberá ao poeta observar do micro ao macrocosmo, a extrair o belo das circunstâncias.

Lista de mensagens Fórum. Lista de fóruns Tópicos recentes Outros.

Para Glauco Mattoso, o poeta paranaense é o principal poeta satírico brasileiro após Gregório de Mattos. De igual modo, um pouco a contra gosto, fui obrigado a adquirir um exemplar do livro "Poemas de Circunstâncias", recorrendo aos últimos kwanzas de que dispunha na altura, mas como era necessário fazer o trabalho acabei por o adquirir, um pouco também pela bela e agradável capa da obra, na qual sobressaia um verde oliva e uma fotografia do autor. Poemas de circunstância / António Cardoso Autor: Cardoso , António, (1933-2006) Língua: Português. País: Portugal.

LIVROS RELACIONADOS