Cidade do Paraíso

Cidade do Paraíso - Alencar,Vagner de Belazi,Bruna | Nisrs.org Temos o prazer de apresentar o livro . em PDF, TXT, FB2 ou qualquer outro formato possível em nisrs.org.

EM FORMAÇÃO

AUTOR
Alencar,Vagner de Belazi,Bruna
DIMENSÃO
3,82 MB
NOME DO ARQUIVO
Cidade do Paraíso.pdf
ISBN
7367026681008

DESCRIÇÃO

Há vida na maior favela de São Paulo nos mostra Paraisópolis pelo ângulo de quem participa e faz a história da comunidade. Os autores Vagner de Alencar e Bruna Belazi nos contam as dificuldades, as alegrias e a cultura dos moradores da maior favela de São Paulo. Mergulha-se num universo composto pelas angústias provocadas por “Antonico, o ingrato” e pelas alegrias, como as festas na laje e os forrós que, literalmente, param o trânsito. Quem está doente procura pelas ervas medicinais de “Manoel raizeiro”. Quem precisa de gás procura o Jair. Se precisar cortar ou tratar quimicamente os cabelos, o profissional Rai está em Paraisópolis para atendê-lo. Na Cidade do Paraíso também há muitos artistas, representados neste livro por “Jussara, a escritora”; por Joseane, que trocou o telemarketing pela pintura; o arquiteto Antenor, não da arquitetura convencional, mas de garrafas PET. Entre as inúmeras ruas e vielas, que neste livro ganham status de personagem, podemos encontrar inúmeras histórias, derrotas e conquistas, podemos encontrar, portanto, vida na maior favela de São Paulo.

Também ficou determinado que a distância mínima… São Sebastião do Paraíso é a cidade do Sul de Minas com mais casos prováveis de dengue Santana do Paraíso está cada vez mais perto de se tornar uma "cidade inteligente". Desde o mês de março, o Instituto de Planejamento e Gestão de Cidades - IPGC Brasil realiza estudos para viabilizar projeto que prevê a eficiência da iluminação pública, infraestrutura de telecomunicações e implantação de Usina Solar Fotovoltaica para o município. Paraíso do Norte é uma pequena cidade do interior do Paraná, com aproximadamente 204 km² de extensão e cerca de 13.180 habitantes (2016).

A cidade é cortada pelas federais BR-265 e BR-491. Além da rodovia estadual LMG-836 que liga a cidade a São Tomás de Aquino, antigo distrito de São Sebastião do Paraíso.

LIVROS RELACIONADOS